22 de Novembro de 2017
18º/33º
NOTÍCIAS » SAÚDE
14/11/2017

Santa Casa assume atendimento do São Francisco no início de 2018

Todos os detalhes para isso estão sendo definidos

O secretário Municipal de Saúde, Laércio Garcia, confirmou que a Santa Casa de Tupã assumirá os atendimentos do Hospital São Francisco a partir do mês de janeiro do ano que vem. Todos os detalhes para isso estão sendo definidos.

Já se sabe que o convênio que o Hospital São Francisco possui com o SUS (Sistema Único de Saúde) vence no dia 7 de dezembro. A partir deste dia, a entidade hospitalar será descredenciada do programa e deixará de receber repasses do governo federal para atendimentos médicos.

A solução encontrada para não prejudicar ainda mais os pacientes de Tupã e região, foi transferir esses atendimentos para a Santa Casa, que irá administrar os novos trabalhos.

Laércio Garcia explicou que o Hospital São Francisco não será extinto, devendo transferir o seu contrato para a Santa Casa. "O São Francisco continuará aberto (em outro local) e não irá operar o SUS", afirmou. "A Santa Casa irá contratar os funcionários que forem necessários", completou.

A diretoria do Hospital São Francisco irá alugar um espaço para manter o CNPJ da entidade, que precisa regularizar suas pendên-cias trabalhistas, como o pagamento do FGTS e INSS.
O valor do aluguel do prédio, que pertence à Unimed, não foi divulgado. Não se sabe ainda como será feito o atendimento dos conveniados com o plano de saúde da Unimed.

Negociações

A subsede do Sindicato de Saúde de Tupã participa das negociações com os hospitais, para evitar uma demissão em massa de funcionários.

O Hospital São Francisco possui cerca de 230 funcionários, sendo que 21 também cumprem expediente na Santa Casa. "A proposta é a Santa Casa contratar os funcionários do São Francisco para que eles não fiquem desempregados", salientou o presidente do Sindsaúde, Orides Vivi.

O sindicato não estimou quantos funcionários do São Francisco serão demitidos e nem quantos poderão ser contratados pela Santa Casa.

Apesar de prejudicar os atendimentos de saúde, Vivi destacou que os problemas causados com o fechamento do Hospital São Francisco serão amenizados com a administração da Santa Casa. "Seria ainda pior se a Santa Casa não assumisse esses atendimentos. A população seria atendida em apenas um hospital", afirmou.


Redação Diário de Tupã
+ VEJA TAMBÉM