17 de Novembro de 2018
18º/33º
NOTÍCIAS » LOCAL

Prefeitos se reúnem para buscar a reativação da linha férrea na região

Dois importantes ramais serão reativados, Pradópolis/ Barretos/Colômbia e Bauru/ Tupã/ Panorama.

O prefeito Ricardo Raymundo esteve em mais um evento que marcou um passo importante nos trabalhos de reativação da malha ferroviária paulista. O evento, realizado na Faculdade Reges de Dracena no último dia 5 , contou com mais de 400 pessoas, incluindo o governador Márcio França, o deputado estadual Reinaldo Alguz, além da comitiva composta por empresários, secretários e agentes políticos de Tupã e 130 prefeitos e vereadores de diversas cidades da região.

A renovação da concessão da Malha Paulista viabilizará investimentos de R$ 4,7 bilhões até 2023, garantindo o escoamento de grãos até o Porto de Santos (SP). O projeto está sendo desenvolvido pela empresa Rumo Logística, em parceria com o Governo Federal e a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Dois importantes ramais serão reativados, Pradópolis/ Barretos/Colômbia e Bauru/ Tupã/ Panorama. De acordo com o Gerente de relações governamentais da Rumo Logística, Emanuel Tavares, o projeto chega em uma fase importante para sua concretização.

"O prefeito Ricardo já vem acompanhando nosso processo de reativação da malha ferroviária, e estamos chegando num momento muito importante disso acontecer”, disse. "Esta reunião mostrou a importância da ferrovia e de mantermos a faixa de domínio limpa, sem invasões. Estamos com uma equipe dedicada aos ramais, para que façamos roçadas de forma periódica e que a reativação ocorra o mais rápido possível”, acrescentou Tavares.

O desenvolvimento das fases de reativação da malha também conta com grande apoio do governador do estado, Márcio França e do deputado estadual, Reinaldo Alguz.
Alguz contou da alegria em participar de um evento que marcou mais uma grande conquista para a região. Segundo conta, o projeto já se encaminha para aprovação do Tribunal de Contas da União e está próximo de sua execução.

"Era um sonho que a gente pudesse retomar a malha ferroviária paulista. Primeiro, no ano passado, fizemos um trabalho para covencer a rumo de que a nossa região tinha uma capacidade de exportação e de acordo com esses estudos a rumo se convenceu e resolveu investir. De acordo com a empresa, dentro de 20 dias todo o projeto será finalizado e seguirá ao Tribunal de contas da união”, explicou.

O prefeito Ricardo Raymundo afirma ainda que o crescimento do transporte ferroviário é importante para o desenvolvimento do País, além de trazer benefícios aos empresários.
"Estamos acompanhando todas as fases deste projeto que é complexo, visto que é um capital muito grande de investimento, mas que irá favorecer o comércio principalmente agrícola. A volta das ferrovias pode multiplicar o desenvolvimento econômico da região, trazendo riquezas para o Centro-Oeste, aumentando também nossa competitividade”, enfatizou.





Assessoria
+ VEJA TAMBÉM