23 de Julho de 2018
18º/33º
NOTÍCIAS » BRASIL

Preços de combustíveis podem ser consultados pela internet

Segundo a Agência Brasil, o sistema é atualizado diariamente.

Motoristas de todo o país já contam com uma nova ferramenta para monitorar os preços cobrados pelos combustíveis. Com o Infopreço, sistema online no qual os próprios postos revendedores divulgam os valores praticados, os consumidores terão livre acesso a uma tabela que informa quanto cada estabelecimento está cobrando pelos combustíveis (gasolina, etanol, diesel S-10, diesel S-500 e gás natural veicular).

Segundo a Agência Brasil, o sistema é atualizado diariamente e contém as seguintes informações: CNPJ, nome do estabelecimento, endereço, produto, preço e data de cadastro da informação. Ao acessar a planilha, o usuário pode filtrar os dados exibidos por produto, CNPJ, município e estado do posto revendedor.

O formato em dados abertos possibilita que desenvolvedores utilizem as informações divulgadas para a criação de outros serviços de interesse público.Empresários podem cadastrar seus postos no sistema desde 20 de junho.
Na página da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), entidade responsável pelo Infopreço, é possível conferir o passo a passo para incluir o estabelecimento no sistema e, por meio dele, disponibilizar o preço dos combustíveis ofertados. O Infopreço pode ser atualizado pelas empresas em tempo real.

O objetivo da ANP é dar à sociedade mais uma opção para consulta dos preços dos combustíveis, além do Levantamento de Preços e de Margens de Comercialização de Combustíveis.Os dados são declarativos e de responsabilidade do posto revendedor.

Em nota divulgada em sua página na internet, a ANP também esclarece que a divulgação do Levantamento Semanal de Preços não sofre alterações. Ou seja, a agência vai continuar divulgando os preços (pesquisados por uma empresa terceirizada) praticados nos postos, com opções de filtro de informações para gasolina, etanol, diesel (S-10 e S-500), gás de botijão (GLP) e gás natural veicular (GNV) por estados e municípios, na última semana pesquisada, quatro últimas semanas, 10 últimas semanas, média mensal e dos três últimos meses.

O Infopreço e o Levantamento Semanal são sistemas diferentes. Enquanto o Infopreço mostra informações declaradas pelos postos e pode ser atualizado em tempo real, o Levantamento mostra dados coletados semanalmente por empresa contratada pela ANP por meio de licitação, ou seja, apresenta o preço no momento da coleta. Os preços são livres no Brasil e os postos têm liberdade para modificá-los a qualquer momento. Mas os dois sistemas têm o mesmo objetivo: dar mais transparência aos preços praticados, para que o consumidor tenha mais opções de escolha na hora de comprar o combustível.

Legenda: Infopreço: postos já podem divulgar preço dos combustíveis na internet

+ VEJA TAMBÉM