17 de Novembro de 2018
18º/33º
NOTÍCIAS » EDUCAÇÃO

Unesp abre inscrições para pedidos de isenção e redução da taxa do vestibular 2019

Prazo encerra no dia 09 de setembro. Segundo a instituição, serão oferecidas 7.365 vagas em 23 cidades.

Os interessados em realizar os pedidos de isenção ou redução de 50% da taxa do vestibular de R$ 170 da Universidade Estadual Paulista (Unesp) podem a partir desta segunda-feira (3) solicitar pelo site da instituição.

Os candidatos têm até o dia 9 de setembro para preencher o formulário de inscrição e solicitar a isenção do exame de 2019. O resultado da solicitação será divulgado dia 25 de setembro.

Vestibular Unesp
Inscrições: 10 de setembro a 8 de outubro
Taxa: R$ 170
Vagas: 7.365
Prova da 1ª fase: 15 de novembro
Provas da 2ª fase: 16 e 17 de dezembro
Segundo a Unesp, a primeira fase do vestibular será aplicada em 15 de novembro e a segunda fase nos dias 16 e 17 de dezembro. Ao todo, serão ofertadas 7.365 vagas em 23 cidades, sendo 50% delas destinadas ao Sistema de Reserva de Vagas para Educação Básica Pública.

Isenção da taxa
De acordo com a universidade, os vestibulandos têm duas formas de solicitar a isenção:

Cadastrados no CadÚNICO, com renda familiar mensal per capita de até meio salário mínimo ou que possua renda familiar mensal de até três salários mínimos.

Estudantes que concluíram ou concluirão este ano o ensino médio em escola pública, na Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Estudantes com bolsa de estudo integral, se o curso for de instituição particular.

Redução da taxa

Para os pedidos de redução de 50% do valor da taxa, os candidatos precisam estar matriculados no ensino médio ou em curso pré-vestibular, além de ter remuneração mensal inferior a dois salários mínimos ou estejam desempregados. O prazo é semelhante ao do pedido de isenção.

A instituição também oferece redução de 75% para cerca de 500 mil alunos matriculados no último ano do ensino médio da rede pública estadual paulista. O período para cadastramento destes candidatos é o mesmo da inscrição dos pagantes de taxa integral, de 10 de setembro a 8 de outubro.

G1
+ VEJA TAMBÉM