09 de Dezembro de 2019
18º/33º
NOTÍCIAS » LOCAL

Primeira etapa da macrodrenagem será concluída no próximo ano

Retomada há 60 dias, macro vai beneficiar cerca de 15 mil pessoas através da melhoria no escoamento das águas pluviais

A macrodrenagem, retomada há 60 dias, vai beneficiar diretamente cerca de 15 mil pessoas e impactar indiretamente toda a população do município através da melhoria no escoamento das águas pluviais. A conclusão da primeira etapa da obra está prevista para o próximo ano.

De acordo com o secretário municipal de Planejamento, Obras e Trânsito, Valentim César Bigeschi, as obras seguem o cronograma estabelecido em ritmo acelerado, graças ao número ampliado de equipes.

"A obra de drenagem urbana é realizada por três frentes de trabalho em locais diferentes. Devido ao número ampliado de equipes, estamos cumprindo o cronograma e a expectativa é estar na reta final da primeira etapa até março do próximo ano”, explicou.

Valentim informou que o trabalho realizado em conjunto pelas equipes vai possibilitar a melhoria do escoamento das águas pluviais. Ele também explicou qual o andamento das obras e como a drenagem urbana irá beneficiar a população.

"No braço esquerdo e direito são desenvolvidas canalizações de concreto através de aduelas. Já na região da Vila Marajoara até a rua Lélio Piza são executadas as galerias de drenagens pluviais com tubulações de 2m e 1,5m de diâmetro, que darão o suporte necessário ao sistema de galerias. Portanto, o trabalho em conjunto nos sistemas de canais e rede adicional, fará com que a água seja captada e escoada de forma correta ao córrego”, informou.

Valentim acrescentou que para resolver o problema de drenagem urbana, o projeto deve ser continuado pelas próximas administrações. "A macrodrenagem é um projeto amplo que deve ser realizado em três etapas. Neste momento, estamos na primeira fase, orçada em 12 milhões, porém para que os problemas de inundações sejam resolvidos, as obras devem continuar nos próximos anos e governos”, afirmou.

Já o prefeito Caio Aoqui destacou que a macrodrenagem estava parada há mais de 10 anos. Ele acrescentou que a obra segue em ritmo acelerado e nos próximos dias contará com mais uma equipe para a execução dos serviços.

"Atualmente contamos com três frentes de trabalho e nos próximos dias teremos uma quarta equipe para acelerar os serviços nas galerias. Esta é uma obra importante para a população de nossa cidade. Por isso, seguimos em ritmo acelerado e em poucos meses concluiremos a primeira etapa”, concluiu.



Assessoria
+ VEJA TAMBÉM