20 de Janeiro de 2020
18º/33º
NOTÍCIAS » REGIÃO

Bastos terá transporte coletivo urbano gratuito

Prefeito determinou à Divisão de Compras da prefeitura a abertura de licitação para a compra de um ônibus exclusivamente para essa finalidade.

A Câmara Municipal aprovou na sessão ordinária do dia 18, projeto de lei do prefeito Manoel Rosa que institui o Serviço de Transporte Público Coletivo Municipal Urbano.

Agora, com a autorização do Legislativo e a conversão da proposta em lei, o prefeito Manoel Rosa antecipou, que pretende disponibilizar ônibus circular à população ainda neste ano e, o que é melhor, gratuitamente.

O prefeito disse que já determinou à Divisão de Compras da Prefeitura a abertura da licitação para a compra de um ônibus exclusivamente para essa finalidade.

E argumentou sobre o motivo de sua decisão de subsidiar integralmente as passagens para os usuários. "Consultamos a iniciativa privada para estudarmos a viabilidade de abrir licitação, visando terceirizar o serviço.

Constatamos que nesse modelo teríamos que repassar, em média, a título de subsídio, R$ 30 mil por mês à vencedora do processo licitatório, que ainda cobraria uma tarifa dos passageiros. Em vez de subsidiar uma empresa para a exploração do transporte público urbano, achamos por bem a Prefeitura assumir o serviço e isentar os usuários da cobrança de tarifa”, explicou.

Manoel Rosa disse que pesou na sua decisão de oferecer ônibus circular como opção de transporte na área urbana "as constantes reivindicações de moradores dos bairros mais distantes do Centro”.

Linhas

Ainda de acordo com o prefeito, a Secretaria Municipal de Planejamento e obras está fazendo um estudo de identificação das melhores linhas a serem percorridas pelo ônibus. Afirmou que ao longo do trajeto placas e sarjetas pintadas de amarelo indicarão os pontos de parada de ônibus para embarque e desembarque.

"Essa primeira fase terá caráter experimental. Se a demanda crescer, faremos estudo de viabilidade de instalação de abrigos nos pontos e do aumento do número de horários de circulação de ônibus”, adiantou.

Manoel Rosa afirmou que "serão beneficiados pelo serviço notadamente os idosos, que por lei já têm direito à isenção de tarifa em transporte coletivo, e os moradores dos bairros periféricos de menor poder aquisitivo”.

Tribuna de Bastos
+ VEJA TAMBÉM