23 de Fevereiro de 2020
18º/33º
NOTÍCIAS » ESPORTE

Estádio de Marília é parcialmente interditado e jogo da Copa São Paulo terá portões fechados

Partida será realizada às 17h desta quinta-feira, 9 de janeiro

O Estádio Municipal Bento de Abreu Sampaio Vidal, o Abreuzão, está parcialmente interditado em Marília. Isso porque o auto de vistoria do Corpo de Bombeiros venceu nos últimos dias e o espaço está passando por reformas, para que as adequações exigidas sejam cumpridas.

Nesta quinta-feira, 9 de janeiro, o Abreuzão receberia mais uma partida válida pela Copa São Paulo de Futebol Júnior 2020, da qual a cidade é uma das sedes. O jogo entre o Marília Atlético Clube (MAC) e o Santos está mantido para às 17h, mas sem a participação das torcidas.

O presidente do MAC é também o prefeito da cidade, Daniel Alonso. Ele se reuniu nesta manhã com comandos do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar, para definir sobre o fechamento ou não. Ao site Marília Notícias, o prefeito informou que "as coisas na gestão pública não acontecem como a gente gostaria que acontecessem", quando questionado sobre os motivos das reformas não terem sido feitas com antecedência.

Em nota, a Federação Paulista de Futebol informou que "a medida se deve à falta de renovação dos laudos técnicos, impossibilitando o trabalho da Polícia Militar na cobertura do evento. Pelo Grupo 2 da Copinha, se enfrentam às 14h45 Olímpico-SE e Timon-MA, enquanto às 17h, o Santos enfrenta o Marília", finaliza.

Divulgação MAC - Estádio Abreuzão receberia torcida para mais uma partida válida pela Copa São Paulo de Futebol Júnior 2020
Estádio Abreuzão receberia torcida para mais uma partida válida pela Copa São Paulo de Futebol Júnior 2020


Nesta semana, torcedores enfrentaram fila para acompanhar os jogos. A entrada demorou, pois alguns setores do estádio não haviam sido liberados pelos bombeiros. Diante da previsão de casa cheia na partida desta quinta, foi decidido que os portões estarão fechados e o jogo será transmitido pelo canal SporTV.

Até o momento, a Federação não informou se o estádio será liberado nos próximos dias ou se as partidas terão que ser transferidas para outro local.

Redação AssisCity/ Fotos: Divulgação MAC
+ VEJA TAMBÉM