28 de Fevereiro de 2020
18º/33º
NOTÍCIAS » LOCAL

Reunião interna entre vereadores termina com agressão física em Tupã

Os vereadores Paulo Henrique (PH) Andrade e Luís Alves se desentenderam após a sessão camarária de ontem

Uma reunião interna entre os vereadores de Tupã terminou em agressão física na noite de ontem (10) após a Sessão Ordinária da Câmara Municipal.

Os vereadores Paulo Henrique Andrade (PH) e Luís Alves se desentenderam durante uma discussão, quando houve a agressão. PH acabou agredido com uma cabeçada na altura do nariz pelo outro parlamentar.

Procurado pelo Tupacity.com, Paulo Henrique explicou que a agressão aconteceu depois que ele propôs a redução de número de cadeiras no legislativo para o próximo ano.

"Ele [Luís Alves> se exaltou, ficou nervoso e começou a me intimidar, dizendo que eu queria acabar com a câmara e que eu tinha que devolver meu salário", relatou. Paulo Henrique ainda afirmou que vai à Polícia para elaboração de um Boletim de Ocorrência.

A reportagem do Tupacity também procurou o vereador Luís Alves, que disse ter se exaltado durante a discussão. "Durante a discussão, por duas vezes ele veio com o dedo pra cima de mim, me encarando e quem me conhece sabe que não tenho sangue de barata e foi ali que a gente se estranhou", explicou.

"Eu disse a ele que ele precisava devolver o dinheiro que ele prometeu devolver à Câmara. Ele prometeu em campanha que não iria receber salário",completou Luis Alves.

Vale ressaltar novamente que o fato ocorreu após o encerramento da sessão desta segunda-feira. O presidente da casa, vereador pastor Eliézer de Carvalho havia convocado uma reunião entre os parlamentares para discutir emendas impositivas e demais assuntos legislativos


Os vereadores Paulo Henrique Andrade e Luís Alves
Os vereadores Paulo Henrique Andrade e Luís Alves


Redação Tupacity
+ VEJA TAMBÉM