03 de Outubro de 2022
20º/30º
Entretenimento - Colunistas

A porta sempre esteve aberta!

Por Andréia Agostin: "Até quando vai olhar pela janela? Quais desculpas você usa para justificar sua prisão interna?"



Até quando vai olhar pela janela? Quais desculpas você usa para justificar sua prisão interna?

Por mais desafiador que possa parecer, relacionamento não é prisão! Mas é cômodo dizer que não realizou seus sonhos porque seu parceiro(a) te limitou. E eu vim aqui para dizer que ninguém te limitou!

Criamos a ilusão de que as pessoas nos limitam, porque temos medo de ser livres. Ser livre é ser responsável pelas próprias escolhas! O quanto você está pronta para assumir a responsabilidade das suas escolhas?

É mais fácil projetar as frustações no companheiro(a) do que assumir as próprias amarras, não é? Decidir o que queremos e sustentar essa decisão é um ato de coragem que poucas mulheres estão dispostas a assumir.

Mas lembre-se, você não veio a esse mundo para viver atrás das grades. Lá fora tem um mundo de oportunidades esperando por você. Comece fazendo pequenas escolhas. O que você quer comer, qual roupa quer vestir, se quer transar ou não.

Sua vontade importa!

Você importa. Mas essa importância começa de dentro para fora.

Permita-se ser feliz!
Andréia Agostin
*Andréia Agostin é Terapeuta Neurolinguística (CRTH-BR 8689), com formação em Coaching, Eneagrama, Hipnose, PNL, Pompoarismo, Tantra e Terapia Sistêmica. Casada há 22 anos, Andréia possui 3 filhos (15; 7; e 3 anos). Foi professora de ballet e dança de salão por mais de 15 anos. É advogada e empresária da Maxi Educa.
Receba em primeira mao nossas noticias!
Participe de nossos grupos:
+ VEJA TAMBEM