19 de Setembro de 2020
20º/30º
ENTRETENIMENTO » COLUNISTAS

SAÚDE E EDUCAÇÃO

Roberto Kawasaki é economista pela FEA-USP, Professor da FACCAT e articulista do Tupacity.

*Roberto Kawasaki

É um absurdo como o Governo Bolsonaro é totalmente irresponsável, para não dizer criminoso, ao menos em duas questões estratégicas e cruciais da vida nacional: Saúde e Educação. Aliás, para ilustrar e ratificar minha afirmativa, são dois ministérios sem um comandante titular e capacitado.

A Saúde porque trata a gravíssima pandemia com marginalidade, pois não há uma política nacional de combate à Covid-19, tanto é verdade que sequer faz um balanço diário em transmissão nacional, do número de infecções e falecimentos, vítimas do mal. Na verdade, esconde diariamente os números, obrigando os principais veículos de comunicação do Brasil a buscar informações junto às Secretarias Estaduais da Saúde.

A Educação porque não tem uma política nacional de Educação Básica à Distância, uma alternativa viável e consequente para à paralisação da Educação Presencial, face à necessidade de isolamento social para se evitar o contágio do Coronavírus.

Quanto à Educação Superior, posso testemunhar por experiência, que por exemplo, a Faccat promove uma alternativa real de Educação Remota, com tecnologia do Google Classroom, que permite diariamente no horário das aulas noturnas, atividades de ensino-aprendizagem. É óbvio que não substitui a Educação Presencial, contudo, está funcionando.

Na verdade, o grande e dramático problema reside na Educação Básica. Não há um programa nacional de alfabetização remota. O Governo do Estado de São Paulo tenta concretizar uma Educação via internet. Aí se encontra o problema, nem todos têm internet de qualidade, quanto têm em suas residências.

Os mais experientes e vividos vão se lembrar do Telecurso 2000 da Fundação Roberto Marinho da Rede Globo. Não poderia servir de alternativa real ? Que tal oferecer em rede nacional de televisão com todas as emissoras de tv, horários matutinos e vespertinos de Educação Remota ? Por que o Governo Federal não se articula nesses níveis ? Respondo: porque sequer consegue fazer uma escolha correta e definitiva de um(a) Ministro(a) da Educação. Um governo que não consegue ter um comandante nacional da Educação, não tem um projeto educacional.

O prejuízo que as crianças e o Brasil terão a médio e longo prazos são incomensuráveis. A Educação Brasileira está profundamente atrasada e totalmente inadequada para preparar nossa juventude à Sociedade 5.0 que está chegando.


Roberto Kawasaki
*Roberto Kawasaki é economista pela FEAUSP, Professor dos cursos de Administração, Sistemas de Informação, Arquitetura e Urbanismo, Jornalismo, Publicidade e Propaganda e Engenharia de Produção da FACCAT e articulista da Folha do Povo e do TupaCity.com
+ VEJA TAMBÉM