09 de Agosto de 2020
20º/30º
ENTRETENIMENTO » HOLOFOTES

Em noite festiva, Proeste Chevrolet lança novo cruze 2017 em Tupã

A partir desta quinta-feira (07), o novo cruze já está disponível para test drive na Proeste de Tupã, que está localizada na Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP 294), km 528, Pq Industrial II.

A Proeste Chevrolet Tupã lançou nesta quarta-feira(06) o novo Cruze 2017. A cerimônia de lançamento aconteceu na própria sede da concessionária na cidade e reuniu mais de 150 pessoas. Na oportunidade, também foi apresentada, pra quem não conhecia, a nova S10.

Quem teve a oportunidade de conhecer o novo designer do Cruze se impressionou.

"É um carro que vem com nova tecnologia, novo arranjo. O carro é excepcional. Temos certeza que vamos ser líder nesse segmento e é o carro que veio pra ficar. Com certeza o novo cruze vai ser o carro do ano de 2017", ponderou o gerente de vendas da Proeste, André Luis Delgado.

Agora feito na Argentina sobre nova plataforma e com motor 1.4 turbo, a nova geração do sedã estreia no Brasil em três versões de equipamentos (LT, LTZ e LTZ 2), sempre com câmbio automático de seis marchas. Os preços vão de R$ 89.990 a R$ 107.450.

"Hoje nós já vendemos dois cruzes aqui sem o pessoal conhecer. Nós já fizemos os dois pedidos e daqui 15 dias nós vamos estar entregando aos nossos clientes", comemorou o gerente.

A partir desta quinta-feira (07), o novo cruze já está disponível para test drive na Proeste de Tupã, que está localizada na Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP 294), km 528, Pq Industrial II.

[
Equipe Proeste sempre pronta para lhe atender


Clique aqui e confira mais fotos do lançamento:


Novo Cruze promete desbancar a concorrência.


Novo Chevrolet Cruze 2017

No lugar do antigo 1.8 16V aspirado (144 cv), todas as versões do novo Cruze 2017 trarão o motor Ecotec 1.4 com turbo e injeção direta, associado ao sistema start-stop para ajudar no consumo de combustível.

"O segmento do sedã é um segmento de carro gastão, um carro que tem um consumo muito elevado. Esse nosso carro não, é um carro que veio pra fazer a mesma autonomia de um carro popular. Essa diferença principal desse carro", lembrou o gerente de vendas da Proeste.

O novo propulsor rende 153 cv de potência quando abastecido com etanol (150 cv na gasolina), mas o principal destaque está no torque: 24,5 kgfm de torque logo a 2 mil rpm. Outra novidade é câmbio automático de seis marchas de terceira geração, mais rápido e suave. Além disso, vale destacar que o carro ainda ficou 106 kg mais leve na versão LTZ.

Como resultado, tanto o desempenho quanto o consumo foram favorecidos: segundo a GM, o Cruze turboflex acelera de 0 a 100 km/h em 8,5 segundos e ainda obteve nota A em eficiência energética pelo Inmetro, com médias de 7,6 km/l na cidade e 9,6 km/l na estrada, quando abastecido com etanol. Com gasolina, as médias passam a 11,2 km/l e 14,0 km/l, respectivamente – números que o deixam como mais econômico da categoria.

Maior que o anterior, o Cruze sedã agora mede 4,66 metros de comprimento por 1,81 m de largura e 1,48 m de altura, com uma distância entre-eixos de 2,70 m (mesma do Toyota Corolla). As novas medidas visaram ampliar o espaço interno, notadamente no banco traseiro.

Por fora, o Cruze passa a oferecer um design mais esportivo, com destaque para os faróis rasgados para as laterais (e com projetor e LEDs para iluminação diurna) e para a caída do teto estilo cupê, que se completa com a traseira alta e curta. Em relação à versão norte-americana, o modelo argentino traz leves diferenças visuais, como as rodas com acabamento escurecido, por exemplo. Internamente, o sedã oferece duas opções de acabamento, com tonalidade escura na versão LT e bicolor na LTZ.

TECNOLOGIA

Entre os itens de tecnologia, o Cruze ganha alertas de colisão frontal e de ponto cego, alerta de evasão de faixa de rolamento e até um indicador de distância do carro à frente (em segundos) – itens da versão LTZ II top de linha. Fora isso, o modelo traz como exclusividade no segmento o serviço de concierge OnStar, que também ajuda a reduzir o valor do seguro por conta do monitoramento do veículo.

Redação TupaCity com informações do Carplace/Uol
+ VEJA TAMBÉM