22 de Setembro de 2020
20º/30º
NOTÍCIAS » LOCAL

Dr. Douglas não será mais transferido para hospital de São Paulo

Segundo a Santa Casa, "apesar de estabilizado da arritmia cardíaca, não haverá mais transferência".

O infectologista Douglas Batista da Silva não será mais transferido para o hospital São Camilo, na capital paulista, onde o médico mantém convênio.

A informação foi publicada jornalista Jota Neves e confirmada pelo Tupacity.com. De acordo com diretor da Santa Casa, Laércio Garcia apesar de estabilizado da arritmia cardíaca, não haverá mais transferência.

Ainda de acordo com Laércio, a hipótese de transferência foi cogitada pelo fato de o convênio médico do infectologista permitir um atendimento em grande centro de saúde, além do fato de Dr. Douglas possuir parentes naquela região. "Vale lembrar que em nenhum momento foi necessária a transferência por falta de estrutura em Tupã", frisou Laércio à reportagem.

Na manhã de sexta-feira, dia 24, um helicóptero até se preparou no Estádio Alonso Carvalho Braga para levar o paciente até São Paulo, mas uma arritmia cardíaca, que poderia evoluir para parada cardiorrespiratória impediu o procedimento.

Os médicos tiveram que retornar para a Santa Casa para estabilizá-lo. Ele foi estabilizado, mas segue entubado desde terça-feira (21).

Existia até o final de sexta-feira, a possibilidade de uma nova tentativa de transferência na manhã de ontem (25), mas a vaga foi ocupada. Se houver necessidade, o hospital abrirá um novo pedido.

A COVID-19

O infectologista da linha de frente de combate à doença em Tupã foi acometido pelo coronavírus e estava em tratamento em sua residência.

O quadro clínico evoluiu por ele ser do grupo de risco hipertenso e diabético, segundo o hospital. Ao chegar na Santa Casa, precisou ser entubado e levado à UTI, onde permanece.



Por Redação Tupacity
+ VEJA TAMBÉM