24 de Setembro de 2020
20º/30º
NOTÍCIAS » LOCAL

Equipamento de aplicação espacial é o mais novo aliado no combate à dengue no município

Máquina dará mais agilidade aos serviços de controle de proliferação do Aedes

Nesta quarta-feira (12), todo o Jardim Jaçanã recebeu os testes com o novo equipamento de aplicação espacial do larvicida biológico Cepas do Bacillus thuringiensis israelensis (Bti). A ação veio para somar aos trabalhos de combate à dengue já realizados pela Prefeitura de Tupã.

A proposta é utilizar o equipamento em imóveis de difícil acesso, para facilitar a eliminação de possíveis focos do mosquito da dengue. A partir de amanhã (14), as equipes do setor de Combate às Endemias irão delimitar as regiões onde o equipamento será utilizado.

O diretor do Departamento de Endemias e Entomologias, Marco Antônio de Barros, comentou que o município vem se consolidando como referência no combate à dengue e que outras cidades da região procuraram Tupã para conhecerem as novas estratégias e técnicas para o controle do Aedes.

"Tupã vem se tornando referência no combate ao mosquito da dengue, atraindo cidades da região que querem conhecer as estratégias e técnicas utilizadas no município. Isto significa que estamos avançando cada vez mais com os trabalhos. Nesta ação, por exemplo, a equipe do Setor de Endemias de Herculândia nos acompanhou durante toda a aplicação espacial do biolarvicida”, contou.

Marco também explica que o novo equipamento foi adquirido pela Administração Municipal para ampliar o combate ao mosquito da dengue. Ele acrescenta que o Município utiliza meios alternativos para combater o Aedes sem agredir o meio ambiente.

"O larvicida biológico é um meio alternativo mais eficiente do que o inseticida, pois além dos altos índices de eliminação de larvas, ele não agride o meio ambiente. Muitas das extinções de animais são causadas pelo uso de produtos químicos. Porém, em Tupã, nos preocupamos com a utilização de meios sustentáveis para o combate à dengue”, destacou.

Barros ainda disse que o novo equipamento vai possibilitar mais agilidade aos trabalhos, já que a máquina tem o alcance de 30 metros. "Um trabalho que seria realizado em um dia inteiro será reduzido para meio período de serviço. Ou seja, vamos atingir regiões do município rapidamente. Com certeza, esta agilidade vai ajudar no combate e ampliar os serviços já realizados”, disse.

Além do novo equipamento, o setor comemora a eficácia do larvicida biológico que foi aplicado em diversas regiões do município. Uma ação especifica realizada nos cemitérios municipais, onde mais de 120 focos foram encontrados, destaca a eficiência do novo produto, já que após a pulverização nestes locais, foram encontrados 35 criadouros, representando a redução de 70,8 % de recipientes com larvas do mosquito.




Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Tupã
+ VEJA TAMBÉM