06 de Julho de 2022
20º/30º
Notícias - Local

Pedagogos podem assumir aulas na rede estadual de São Paulo neste semestre

Medida aprovada pelo Conselho Estadual da Educação também autoriza bacharéis e tecnólogos de nível superior a lecionar

A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (Seduc-SP), após consulta ao Conselho Escolar Estadual (CEE/SP), autorizou, através de resolução, a atribuição de aulas disciplinares por professores com formação superior em pedagogia neste semestre.

A Pasta está contratando 2,9 mil professores, com salários entre R$ 5 mil a R$ 7 mil, após a implementação da nova carreira no estado. Hoje, são 210 mil professores na rede, 10 mil a mais do que em 2021.

Aprovada com unanimidade pelo Conselho, a medida estende a autorização para bacharéis e tecnólogos de nível superior, desde que a formação seja na área da disciplina a ser atribuída, identificada pelo histórico do curso, independentemente da carga horária mínima de 160 horas da disciplina pretendida.

A prioridade segue sendo a habilitação específica, como está clara na Indicação CEE 213/2021 que propõe que as aulas sejam atribuídas aos Licenciados na Disciplina. Por isso, a liberação ocorreu apenas em 20 de junho, justamente para incentivar a atribuição de aulas aos demais docentes, antes da excepcionalidade.

"O desafio de atrair professores para as salas de aulas não é exclusivo de São Paulo, mas de todo Brasil. Temos muitos professores de geografia, por exemplo, que foram atuar em outras frentes, como ONGs ambientalistas. Muitos da área de exatas partiram para o mercado financeiro. Nossa meta é valorizar a carreira para que a sala de aula seja cada vez mais atrativa", avalia o Secretário Estadual da Educação, Hubert Alquéres.

Os novos ingressantes receberão material de orientação e participarão de formações específicas de capacitação. A gestão da unidade escolar irá realizar o acompanhamento diário da atuação dos profissionais.

Vale destacar que os cursos de pedagogia também preparam seus graduandos em disciplinas específicas. Por exemplo, no caso da Geografia, História e Arte, os licenciados em pedagogia estudam necessariamente "Didática e Metodologia do Ensino de Geografia", "Arte e História", além do conteúdo desses componentes curriculares para os estudantes até o 5º ano. Também compõe o seu currículo a disciplina de "História da Educação e Psicologia do Desenvolvimento e da Aprendizagem". Além disso, estão habilitados para lecionar Psicologia, Sociologia e Filosofia no ensino médio, além das disciplinas de EJA no ensino fundamental.
Governo de SP
Receba em primeira mao nossas noticias!
Participe de nossos grupos:
+ VEJA TAMBEM