25 de Maio de 2020
18º/33º
NOTÍCIAS » LOCAL

Trevos voltam a ser fechados em Tupã

Com feriado estadual antecipado para esta segunda (25), prefeitura vai controlar entrada na cidade

A Prefeitura de Tupã, vai fechar os acessos da cidade, deixando apenas o acesso no trevo "Ivo Pinto Paredes” (trevo da Camap) para o controle da entrada de veículos na cidade. O monitoramento da barreira, que será ainda mais rigorosa, começará na tarde desta sexta-feira (22) e será encerrada na segunda-feira (25).

Segundo a Administração, os bloqueios e a barreira voltarão a ser instalados devido a aprovação do projeto de lei do Governo do Estado na madrugada desta sexta-feira (22), que antecipa o feriado do dia 9 de julho para esta segunda-feira (25).

O projeto foi encaminhado à Assembleia Legislativa de São Paulo com o objetivo de aumentar os dias de distanciamento social na capital.

O prefeito Caio Aoqui explicou que o bloqueio faz parte das diversas medidas adotadas pela Prefeitura para evitar que novos casos da doença se confirmem no município. "A Prefeitura entende que são tempos difíceis para todos e ficar distante da família é lamentável. Porém, lembramos que as recomendações do Ministério da Saúde ainda são as mesmas e a permanência em casa continua sendo essencial no combate do novo Coronavírus”, disse.

Já o secretário municipal de Saúde, Dr. Miguel Ângelo de Marchi, explicou que a barreira funcionará da mesma maneira, aferindo a temperatura corporal dos condutores e passageiros, além de higienizar o exterior de carros, motos e demais veículos.

"Para o controle, as equipes estarão devidamente equipadas com luvas, máscaras, protetores faciais e macacões. É importante ressaltar também que o quaternário de amônia, produto que será usado para a higienização externa dos veículos, é utilizado em hospitais pela sua profunda limpeza e por não apresentar nenhum risco à saúde. Esse produto também não causa manchas em roupas ou outros objetos durante o contato”, explicou.

O Secretário ainda contou que os agentes de Saúde estarão de prontidão para encaminhar possíveis suspeitos da doença para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), para que lá sejam feitos os devidos exames.

"Pessoas que apresentarem algum sintoma ou alteração na temperatura corporal durante o exame serão analisadas e, caso necessário, encaminhadas para a UPA. Lembrando que o trabalho dos agentes visa apenas instruir sobre as medidas que devem ser adotadas e não proibir a entrada no município”, ressaltou.

Já o secretário municipal de Planejamento, Obras e Trânsito, Valentim César Bigeschi, informou quais pontos serão bloqueados para a entrada de veículos durante os três dias de funcionamento da barreira.

"Os acessos pela rodovia SP-294 ‘Comandante João Ribeiro de Barros’ serão interditados e os condutores de veículos deverão se direcionar ao trevo da Camap. Já a estrada vicinal SP-052 (Tupã/Quatá), que dá acesso principal à avenida Tabajáras, será a única via completamente interditada”.

Valentim ainda informou que o trevo do Chaparral, será restrito novamente apenas à entrada de caminhões de carga para a secagem de amendoim, assim como o acesso pela rua Demétrio Hristafor Seirec Basan, que será controlado para a entrada apenas dos caminhões da empresa ali localizada. Além disso, o acesso da avenida Inglaterra receberá também bloqueio, sendo permitida somente a saída neste ponto.

"É importante frisar que todos os acessos, com exceção da vicinal SP-052, a saída estará liberada e, somente a entrada de veículos será monitorada e controlada pela Administração”, concluiu

Assessoria PMT
+ VEJA TAMBÉM