28 de Novembro de 2020
20º/30º
NOTÍCIAS » LOCAL

Vigilância orienta imobiliárias sobre combate aos escorpiões

Objetivo é conscientizar sobre limpeza de terrenos, imóveis e salões comerciais.

Na manhã de ontem (18), o Departamento de Vigilâncias da Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), realizou uma reunião com representantes de imobiliárias para prevenção ao aparecimento de escorpiões em imóveis e terrenos.

Tamires Nogueira, representante da Marco Imóveis, ressaltou a importância dessa ação e de compartilhar com inquilinos e locatários as informações oferecidas. "Uma das orientações, que provavelmente a maioria não conhecia, era a respeito do uso do veneno. Vamos repassar estas orientações e colaborar neste combate”, disse.

Joyce Marcela, supervisora de equipe do CCZ, disse que venenos são ineficazes contra escorpiões, apenas fazem com que eles saiam dos abrigos e causem acidentes. A Prefeitura reforçará a fiscalização e autuação em relação a descuidos com limpeza de imóveis, salões comerciais e terrenos, uma vez que com a chegada do verão, há o aumento nas temperaturas, e o início do período de reprodução dos escorpiões.

Já Ademilton Rabaldeli, representando a Alfa Imobiliária, enfatizou que "é muito importante passar estas orientações, pois assim, nós podemos entender melhor a respeito dos cuidados e podemos ajudar a divulgar estas precauções para o combate ao escorpião”.

Durante a pandemia a população está mais tempo em casa, realizando limpezas nos quintais, por isso há também maior probabilidade de acidentes. De acordo com o chefe do Setor de Zoonoses, Robison Luis, a cidade não contabilizou nenhum óbito causado por escorpião, graças ao trabalho do CCZ e dos cuidados da população.

"A participação da sociedade e das imobiliárias é determinante no combate a estes aracnídeos. Caso encontre algum escorpião, entre em contato com o CCZ. Se for picado, vá o mais rápido possível para a Santa Casa, único local na cidade que tem o soro antiescorpiônico e referência regional neste tipo de atendimento", salientou.

Para o secretário municipal de Saúde, dr. Miguel ngelo De Marchi, parcerias como esta ampliam o alcance das orientações e asseguram que locais vazios também recebam atenção especial dos locatários e das imobiliárias.

"A iniciativa ajuda a levar as orientações para mais pessoas. Agradeço a participação, sugestões e colaboração das imobiliárias, e temos certeza que com parcerias como esta, quem ganha é a população, que fica mais consciente e segura”, agradeceu.
Prefeitura de Tupã
+ VEJA TAMBÉM