10 de Agosto de 2020
20º/30º
NOTÍCIAS » REGIÃO

'Chegou na brutalidade', diz jovem negro imobilizado com 'mata-leão' em abordagem da PM

Polícia Civil instaurou inquérito sobre o caso registrado em João Ramalho (SP). Novos vídeos mostram parte da ação

O granjeiro Rodrigo Ramos, de 20 anos, que teve viralizado o vídeo em que aparece sendo abordado por policiais em casa, em João Ramalho (SP), relata sobre ter sido imobilizado com um "mata-leão". A Polícia Civil abriu um inquérito para investigar o caso.

Ao G1, o jovem contra que a situação foi registrada na segunda-feira (20), quando estava em casa no horário de almoço e pegou a moto para voltar ao trabalho, em uma granja na cidade.

"Acabei encontrado a viatura e não tenho habilitação. Por medo, pensei em voltar embora com medo de perder a moto. Cheguei em casa e guardei a moto quando os policiais chegaram. A moto tinha caído. Eu disse que não ia sair porque não tinha mandado", lembra.

divulgação - 'Chegou na brutalidade', diz jovem negro imobilizado com 'mata-leão' em abordagem da PM
'Chegou na brutalidade', diz jovem negro imobilizado com 'mata-leão' em abordagem da PM


Em nota, a PM afirmou que a equipe fazia patrulhamento quando viu um motociclista com uma moto sem placas e trafegando sentido a saída da cidade. Em seguida, o rapaz percebeu a viatura e tentou fugir, retornando para o município.

Os policiais fizeram o acompanhamento, dando ordem de parada, que foi desobedecida. Ele teria continuado na fuga e ultrapassado parada obrigatória na via.

divulgação - Granjeiro foi abordado por policiais — Foto: Arquivo pessoal
Granjeiro foi abordado por policiais — Foto: Arquivo pessoal


"Na abordagem, o condutor desobedeceu à ordem legal e seus familiares investiram contra os policiais para agredi-los, puxando a motocicleta e o condutor, além de desacatarem os policiais proferindo diversas ofensas", afirmou a corporação.

Ainda segundo a nota, foi usada a "força moderada” para levar o motociclista e outro rapaz à delegacia por desacato e pela fuga com veículo sem documentação.

'Não conseguia respirar

A PM informou também que em uma análise preliminar "a Polícia Militar não verifica nenhuma irregularidade na ação dos agentes”.

Segundo Rodrigo, a moto foi comprada há uma semana e está em nome do pai dele. Contudo, o rapaz não contexto a direção sem CNH, mas como teria sido a abordagem dos policiais.

"Não é pelo fato de pegar a moto. Fiquei em choque pela abordagem, pelo jeito que foi. Já chegou na brutalidade e não deixava a gente falar. Eu já não conseguia respirar mais. Na hora achei que ele ia me matar, porque apertava forte."

Ao G1, o delegado responsável pelo caso informou que o vídeo e outros registros na íntegra serão analisados, assim como um possível crime cometido pelos agentes e o rapaz durante a abordagem.

G1
+ VEJA TAMBÉM