04 de Março de 2021
20º/30º
Notícias - Região

Bebê de apenas um mês morre engasgada em Marília

A menina morreu no atendimento de urgência e emergência do HMI.

Uma bebê de apenas um mês de idade morreu após dar entrada no Hospital Materno Infantil (HMI), vítima de engasgamento nesta sexta-feira (15) em Marília.

Segundo o apurado pelo Marília Notícia, a mãe da criança relatou ter colocado a menina no carrinho para ir tomar banho, momento em que a bebê teria se engasgado na residência em que moram, no Núcleo Habitacional Helena Bernardes, zona Sul da cidade.

O resgate foi acionado e às 10h45 deu entrada com a criança no hospital, após mais de 30 minutos de parada cardiorrespiratória.

A menina morreu no atendimento de urgência e emergência do HMI. Foi requisitado exame necroscópico e o caso é investigado na Polícia Civil.

A menina morreu no atendimento de urgência e emergência do HMI
A menina morreu no atendimento de urgência e emergência do HMI


O que fazer quando um bebê engasga?

Enfermeiras brasileiras criaram uma cartilha sobre cuidados de engasgo de bebês. A publicação foi lançada pela USP em 2017 e é destinada a todas as pessoas que tenham contato com crianças de até um ano para que saibam como proceder.

Um engasgo ocorre quando a traqueia é bloqueada por algum tipo de líquido, alimento ou objeto. Em qualquer idade, apresenta riscos de vida, por provocar asfixia e sufocamento. Em bebês, a sufocação ou obstrução das vias aéreas é a primeira causa de morte acidental de bebês até um ano de idade.

O serviço de resgate é preparado para atender situações desse tipo, por isso deve ser sempre acionado. A cartilha não foi elaborada com a proposta de se sobrepor ou de diminuir a importância dos serviços de resgate.

A ideia foi permitir que familiares e cuidadores tivessem informação de como agir caso não haja acesso aos serviços de resgate ou emergência, ou mesmo se o serviço demorar.

A principal recomendação é: fique atento sempre! Após amamentar, coloque o bebê para arrotar. Caso isso não ocorra, posicione-o deitado do lado direito para evitar regurgitação.

Também é fundamental a pequenos objetos que possam estar em contato com o bebê. Além disso, seguir as recomendações da equipe de saúde quanto aos tipos de alimentos a serem ofertados ao bebê, inclusive sobre a consistência, é de suma importância para a segurança dos bebês.


Marília Notícia
Receba em primeira mao nossas noticias!
Participe de nossos grupos:
+ VEJA TAMBEM