25 de Maio de 2020
18º/33º
NOTÍCIAS » REGIÃO

Bispo da Diocese de Marília prorroga suspensão de missas presenciais

Dom Luiz não estabelece data para o retorno das missas, mas informa que seguem suspensas até novo decreto, com novas orientações.

O bispo diocesano de Marília, Dom Luiz Antonio Cipolini, divulgou nesta sexta-feira (22) decreto em que prorroga suspensão de missas abertas com presença de público em todas as paróquias de Marília e região e apresentou medidas financeiras em função da crise do coronavírus.

Dom Luiz não estabelece data para o retorno das missas, mas informa que seguem suspensas até novo decreto, com novas orientações.

O decreto esclarece que as missas sob responsabilidade da Diocese vão acompanhar decretos estaduais de quarentena. A medida foi tomada após divulgação de informações sobre flexibilização em algumas paróquias e dioceses do país.

Dom Luiz informa ainda que as paróquias enfrentam dificuldades financeiras com queda de repasses de recursos e determinou suspensão de taxas e parcelas de empréstimos que as diferentes igrejas deveriam pagar em junho.
Bispo da Diocese de Marília prorroga suspensão de missas presenciais
Bispo da Diocese de Marília prorroga suspensão de missas presenciais

Também determinou a redução das côngruas, verbas recebidas pelos padres para seu sustento pessoal, que serão de dois salários mínimos em junho. Párocos que demonstrem necessidades pessoais, como ajuda para pais idosos, devem receber três salários mínimos.

O documento cita ainda uma frase do papa Francisco para incentivar cristãos a aproveitar o momento para ajudar necessitados e procurar pessoas mais solitárias por telefone ou redes sociais. O papa pediu ainda orações por todos que enfrentam dificuldades com a epidemia em todo o mundo.

Giro Marília
+ VEJA TAMBÉM