22 de Setembro de 2020
20º/30º
NOTÍCIAS » REGIÃO

Operação "7 de Setembro" não registra acidente com morte na região

O policiamento preventivo foi direcionado às áreas de incidência criminal e prevenção de acidentalidade nas rodovias

A Terceira Companhia do Segundo Batalhão de Polícia Rodoviária da Polícia Militar do Estado de São Paulo, sediada em Assis, presente nos mais de 1.400 quilômetros de rodovias estaduais, abrange 54 municípios das regiões de Assis, Marília e Ourinhos, realizou no período compreendido entre 00h de 4 de setembro de 2020 (sexta-feira), até as 23h59min de 07 de setembro de 2020 (segunda-feira), a Operação "7 de Setembro - 2020".

Face o início da flexibilização da quarentena no estado de São Paulo, houve a percepção de um aumento significativo do fluxo de veículos pelas rodovias de nossa região em todos os dias do feriado prolongado, diferentemente do que estava ocorrendo desde o início do período excepcional de quarentena, no combate à pandemia da COVID-19.

O policiamento preventivo foi direcionado às áreas de incidência criminal e prevenção de acidentalidade nas rodovias, de forma a aumentar a percepção de segurança de todos os usuários.

Divulgação - O policiamento preventivo foi direcionado às áreas de incidência criminal e prevenção de acidentalidade nas rodovias
O policiamento preventivo foi direcionado às áreas de incidência criminal e prevenção de acidentalidade nas rodovias


A essência do Policiamento Rodoviário está relacionada às atividades de segurança viária, cujas ações de fiscalização de trânsito são priorizadas, quanto ao uso do cinto de segurança e demais dispositivos de retenção, motociclistas, ultrapassagens em locais proibidos, limites de velocidade, alcoolemia, entre outras. Considerando a excepcionalidade da ocasião (início de flexibilização da quarentena), aliado ao fato de que em 2019 não houve a operação Independência, pois dia 07/09 caiu em um sábado, deixo de encaminhar o comparativo de acidentalidade, expondo abaixo apenas os dados referentes a operação neste ano de 2020:

Se verifica que as ações de trânsito surtiram efeito, tendo em vista que não foram registrados acidentes com vítimas fatais nos quatro dias de operação nos mais de 1.400 Km da malha viária de responsabilidade da 3ª Companhia. Assim o planejamento estratégico e sua execução, aliado a intensa fiscalização de trânsito que teve o intuito de extinguir os acidentes envolvendo vítimas fatais por meio de exaustiva utilização de radares (excesso de velocidade) empregados nos períodos diurno e noturno se mostraram eficientes quando empregados em conjunto com as demais ações de fiscalização (uso do cinto de segurança, embriaguez ao volante, ultrapassagens proibidas, uso indevido do aparelho celular e infrações relacionadas a motociclistas).
Polícia Militar
+ VEJA TAMBÉM