15 de Agosto de 2022
20º/30º
Notícias - Região

Réplica do Dino Titã deve ser finalizada na tarde desta segunda

Réplica do Dino Titã foi feita com base no esqueleto encontrado na cidade em 2012.

Depois de uma longa viagem que durou cinco dias, do interior da Bahia até Marília, duas réplicas de dinossauros finalmente chegaram ao município no último sábado (2). Por conta do tamanho - o Dino Titã, por exemplo, tem 3,90m de altura por 12m de comprimento -, a escultura precisou vir desmontada.

O pescoço já foi colocado no sábado mesmo. E, na manhã desta segunda-feira (4), os técnicos trabalhavam na limpeza da peça para, em seguida, retocarem a pintura. A expectativa é de que os trabalhos sejam finalizados no período da tarde.

Limpeza do Dino Titã é finalizada (Foto: Michele Correia/Marília Notícia)
Limpeza do Dino Titã é finalizada (Foto: Michele Correia/Marília Notícia)


"Foram quase dois mil quilômetros de lá para cá. As peças vieram de caminhão, e dois dos meus melhores técnicos vieram comigo para finalizar a montagem aqui", conta o paleoartista Anílson Borges dos Santos, que trabalha com a escultura de peças para museus e parque temáticos há 12 anos.

A réplica do Dino Titã - a maior das duas peças - vai ficar na área externa do Museu de Paleontologia, e pode ser apreciada pelo público que transita pelo cruzamento das avenidas Sampaio Vidal e Rio Branco. A escultura tem gerado curiosidade em quem passa pelo local.

"Eu me lembrei das aulas de história na escola olhando para isso aqui (a réplica do Dino). Acho que todo mundo que tem criança deveria trazer para conhecer. Falei para um vizinho trazer a filha", conta o aposentado Luiz Antônio Martins Rodrigues.

A réplica do Abelissauro, que tem 1,80m por 4m de comprimento, já está dentro do museu e vai poder ser conferida de perto depois da inauguração do novo espaço, prevista para agosto.

"Era um sonho ter uma réplica de dinossauro. É uma conquista para Marília e para o Museu de Paleontologia. Todo museu de paleontologia tem uma réplica, ainda que seja pequena. Agora, nós teremos duas. Tanto no sábado quanto ontem, já tivemos muita gente passando por aqui (na área externa) para apreciar", afirma o coordenador do Museu de Paleontologia de Marília e paleontologista, Willian Nava.

Nava explica que a réplica do Dino Titã foi feita com base no esqueleto encontrado na cidade em 2012. "Esse dinossauro tem boa parte do esqueleto preservado, então, os artistas puderam imaginar como ele seria em vida. Ficou bem fiel", conclui.
Marília Notícia
Receba em primeira mao nossas noticias!
Participe de nossos grupos:
+ VEJA TAMBEM