09 de Dezembro de 2022
20º/30º
Notícias - Região

Shih-tzu encontrado morto dentro de bolsa foi agredido com golpes de madeira por 'latir muito'

Suspeita de 24 anos foi encontrada pela polícia e prestou depoimento nesta segunda-feira (7), em Monte Aprazível (SP). Ela foi ouvida e liberada.

Jorge estava desaparecido havia três dias; ele foi encontrado morto em Monte Aprazível — Foto: Arquivo Pessoal
Jorge estava desaparecido havia três dias; ele foi encontrado morto em Monte Aprazível — Foto: Arquivo Pessoal


Uma jovem de 24 anos confessou que matou um Shih-tzu, em Monte Aprazível (SP), porque o animal "latia muito". O cão desapareceu no dia 1º de novembro e dois dias depois foi encontrado morto em uma bolsa de viagem.

Segundo o boletim de ocorrência, os tutores do animal procuraram a Polícia Civil para registrar o crime, nesta segunda-feira (7), quando policiais militares localizaram a suspeita e a levaram à delegacia.

A jovem contou à polícia que encontrou o animal cansado perto de uma agência bancária e o levou para a casa.

Ainda de acordo com o B.O., quando chegou no imóvel, a jovem prendeu o cão com uma corda em uma torneira. O animal passou a latir e, com medo da reação dos vizinhos, o golpeou com um pedaço de madeira.

O cão morreu. Com a ajuda do filho de 9 anos, a jovem colocou o corpo na bolsa de viagem e descartou em um terreno baldio.

Ela foi ouvida e liberada. O caso foi registrado como "praticar ato de abuso a animais" e a polícia irá instaurar um inquérito para apurar o caso.
Portal G1
Receba em primeira mao nossas noticias!
Participe de nossos grupos:
+ VEJA TAMBEM