25 de Setembro de 2022
20º/30º
Notícias - Saúde

Pacientes suspeitos de monkeypox devem procurar UBS ou USF

A Secretaria de Saúde orienta a população sobre o protocolo de atendimento e encaminhamento de pacientes suspeitos de monkeypox, um vírus da família da varíola.


A Secretaria de Saúde orienta a população sobre o protocolo de atendimento e encaminhamento de pacientes suspeitos de monkeypox, um vírus da família da varíola.

Ao apresentar lesões parecidas com espinhas ou similares a bolhas de catapora, além de febre e dores musculares, o indivíduo deve cobrir a pele, usar máscara e procurar a UBS ou USF de referência, das 7h às 17h. Após este horário e nos fins de semana, basta ir à Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

A unidade de saúde deve ser a principal "porta de entrada" para a notificação, atendimento, e agendamento do exame, que será realizado na Unidade Covid (Rua Tupinambaranas, 845). A coleta de amostra será feita pelas equipes apenas no período da tarde, para que os serviços na parte da manhã sejam mantidos exclusivamente para casos suspeitos de covid-19.

O diagnóstico sairá dentro de dois e sete dias, pois a análise deve ser feita apenas pelo Laboratório do Instituto Adolfo Lutz, em São Paulo.

A monkeypox, conhecida como varíola dos macacos, não é transmitida pelos primatas. O contágio ocorre por contato próximo com pessoas infectadas, por meio de beijos abraços, relações sexuais ou ainda ao tocar em objetos contaminados.

As medidas de prevenção incluem evitar proximidade com os doentes durante o período de transmissão, não compartilhar itens pessoais e lavar sempre as mãos.

O paciente passa a transmitir a doença cerca de cinco dias após a contaminação. Sendo que a transmissibilidade será possível enquanto houver vírus alojado nas vias respiratórias e até a recuperação completa das bolhas e crostas espalhadas pelo corpo, chegando a levar de duas a quatro semanas. Não há tratamento específico para monkeypox. Assim, devem ser adotadas medidas de suporte clínico.
Assessoria
Receba em primeira mao nossas noticias!
Participe de nossos grupos:
+ VEJA TAMBEM