03 de Agosto de 2021
20º/30º
Notícias - Saúde

Sistema E-SUS já contabiliza quase 90% da população de Tupã cadastrada

Ficha de cadastramento ficará disponível no site da prefeitura até final de agosto

A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, informa que o cadastramento no sistema do E-SUS ainda está aberto para toda a população. O cadastro é uma determinação do Ministério da Saúde para que todas as cidades registrem as informações de todos os munícipes.

Segundo informação da Pasta responsável, por conta da pandemia do coronavírus e a suspensão das realizações de mutirões de cadastramento, o prazo final foi prorrogado mais uma vez para o final de agosto.

"Já consta no sistema do E-SUS 59.002 munícipes de Tupã cadastrados, o que significa quase 90% da população. Mesmo com um número tão expressivo ainda precisamos atingir 100% e para isso precisamos da colaboração de todos", pediu o secretário municipal de Saúde, dr. Miguel Ângelo de Marchi.



Miguel completou dizendo que "muitos ainda ficam na dúvida se devem ou não realizar o cadastro, pois não utilizam o serviço público de saúde. Mas é fundamental que todos façam o cadastramento, pois uma vez ou outra, até mesmo as pessoas que possuem convênios particulares, utilizam dos recursos públicos, seja para receber um atendimento de emergência ou até mesmo tomar uma dose vacinal", explicou.

A Diretora do setor de Atenção Básica, Simone Veronez Bauer, ressaltou que para facilitar o cadastramento dos munícipes, a Prefeitura disponibilizou em seu site oficial a ficha do cadastramento.

"Basta acessar tupa.sp.gov.br, clicar no banner em destaque do cadastro no SUS e preencher todos os dados corretamente, pois os cadastros com informações incorretas são automaticamente descartados pelo sistema. Vale lembrar também apenas um membro da família pode fazer o cadastro para todos os outros, incluindo vizinhos e amigos que não conseguiram ainda fazer", informou.

Simone também destacou que para agilizar ainda mais o cadastramento, as Unidades de Saúde estão realizando o cadastro de pessoas que procuram por atendimentos médicos ou que solicitam o preenchimento dos dados.

"Ainda é recomendado que os munícipes façam o cadastro de suas residências, pois assim evitamos grande circulação dentro das Unidades. No entanto, entendemos que nem todos possuem acesso à aparelhos tecnológicos ou à internet, e por isso as equipes ficam disponíveis para atendê-los", contou.
Prefeitura
Receba em primeira mao nossas noticias!
Participe de nossos grupos:
+ VEJA TAMBEM