01 de Junho de 2020
12º/26º
NOTÍCIAS » SAÚDE

Você sabe como usar corretamente a máscara de proteção?

O equipamento deve ser lavado com água corrente e sabão neutro, além de ficar de molho em água, sabão e água sanitária de 20 a 30 minutos e, por fim, receber uma passada de ferro quente.

A Secretaria Municipal de Saúde recomenda a utilização de máscaras como proteção extra ao Coronavírus.

A orientação é para que população mantenha os cuidados com a higiene e descarte adequadamente esses itens, além de utilizar o equipamento sempre que sair de casa.

O uso de máscaras é um hábito de proteção recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), que apresenta resultados positivos em diversos países, pois o uso do equipamento pode diminuir a disseminação do novo vírus por pessoas assintomáticas.

Porém, o manuseio de máscaras de tecido deve receber uma atenção especial. O equipamento deve ser lavado com água corrente e sabão neutro, além de ficar de molho em água, sabão e água sanitária de 20 a 30 minutos e, por fim, receber uma passada de ferro quente.

Após cumprir todos os passos de higienização, a máscara deve ser guardada em um recipiente fechado. Além disso, é recomendado evitar mais que 30 lavagens no equipamento, pois pode apresentar sinais de desgaste e perder a capacidade de proteção devido ao uso contínuo.

Além disso, as máscaras reutilizáveis devem ser substituídas a cada três horas. As pessoas também devem ter cuidado na hora de tirar o equipamento, retirando-o pelas alças, sem tocar no pano, pois este pode ter sido contaminado pelo vírus.

Outra recomendação importante é que as máscaras cubram o nariz e a boca, além de retirá-las em nenhuma hipótese durante o período em que as pessoas estiverem fora de suas residências.

A enfermeira da Secretaria de Saúde, Joselaine Pio Rocha, explicou que mesmo com o uso das máscaras, é fundamental que as outras medidas de prevenção contra o novo vírus também sejam seguidas pela população.
Saúde orienta sobre uso correto das máscaras de proteção
Saúde orienta sobre uso correto das máscaras de proteção

"O uso de máscaras não substitui a importância das outras medidas de combate ao Coronavírus, sendo mais uma forma de prevenção e de contenção do novo vírus. Se todas as normas forem seguidas, avançaremos ainda mais no enfrentamento da pandemia”, disse.

É fundamental que as pessoas adotem o distanciamento social, saindo apenas em situações necessárias, além ficar de 1,5 a 2 metros de distância de cada indivíduo e higienizar as mãos com água e sabão (ou álcool em gel 70%) frequentemente.

Descarte de máscara cirúrgicas ou de TNT

As máscaras não reutilizáveis, usadas por pessoas que não estão com infecções virais, podem ser descartadas junto ao lixo orgânico. Já as que foram utilizadas por pacientes suspeitos ou equipes médicas devem ser coletadas e descartadas como resíduos de saúde infetantes.

Em ambas as situações, a população deve higienizar as mãos antes e depois de manusear a máscara.

Assessoria
+ VEJA TAMBÉM